TRADUTOR / TRANSLATER

TRADUTOR / TRANSLATER / TRADUCTEUR / TRADUCTOR / TRADUTTORE
English French German Spain Italian Dutch Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified

Quem sou eu

Minha foto

Bem vinda(o) à página de Ton MarMel, Artista Visual, que desde criança manifestou dotes para pintura, desenho, escultura, frequentou a Faculdade de Arquitetura e Urbanismo, recebeu inúmeros prêmios, participou de dezenas de salões de artes, exposições INDIVIDUAIS no Brasil e exterior, é Advogado, doutor em Direito Público há mais de 15 anos, que tem a missão de oferecer obras de artes, serviços artísticos experientes e conhecimentos de excelência com criatividade, segurança e eficiência, inclusive para ASESSESSORIA ARTÍSTICA, CONSULTORIA ON LINE.  (º--º)  Meu trabalho é conhecido e reconhecido por várias pessoas físicas e jurídicas pois presto serviços e ATENDIMENTOS INDIVIDUAIS E EM GRUPOS, inclusive como PALESTRANTE sobre arte social, direito, projetos sociais de relevância, desenvolvimento pessoal, motivação, empoderamento, liberdade emocional.



TOTAL DE VISITANTES

TOTAL DE VISITANTES

SEGUIDORES DE MARMEL

PESQUISAR NESTE SITE?

RECEBER NOTÍCIAS DE PUBLICAÇÕES? DIGITE E-MAIL

segunda-feira, dezembro 28, 2015

O DIAMANTE

Feche seus olhos. Inspire profundamente... agora, solte o ar... vagarosamente. Imagine que, ria ponta do seu nariz, exista um lápis colorido... Você pode escolher a cor do lápis... Tente, com sua cabeça, fazer um número oito na horizontal.. Faça esse movimento mais três vezes... Não esqueça da respiração. Inspire... e expire... e relaxe - esta é a base para melhorar a sua qualidade de vida, equilibre-se.


O mundo, a cada dia que passa, torna-se aparentemente mais caótico; os valores parecem se perder diante dessa correria toda; ninguém tem tempo para ninguém, nem para si mesmo. Essa é uma ótima receita para todos ficarem loucos. Por quanto tempo você irá suportar esse ritmo? Qual a sua desculpa: sobrevivência, dinheiro, status, poder... ou, quem sabe, até medo? Aprenda a relaxar e deixar o mundo de fora, de vez em quando.

Pense nas pessoas que você ama e diga isso a elas.
Arrume um tempo para você. Tente se lembrar de todos os sonhos de quando você era pequeno: o que você queria ser quando crescesse e, especialmente, quando e onde exatamente você se perdeu e desistiu de seus mais secretos sonhos. Relaxe e reencontre o seu diamante.
"Um corpo sem inteligência não ama. Um corpo sem saúde não desfruta do amor: Um gênio sem amor não tem saúde espiritual. Diante disso tudo, devemos a cada instante procurar a companhia das três virtudes, mesmo que alcancemos uma a uma".
Assim sendo, hoje, resolvi dar uma volta no Parque Olhos D’Água que fica pertinho de onde moro, e lá, catando PITANGAS bem vermelhas diretamente das árvores, lembrei de uma estória interessante que dizia mais ou menos assim...
O hindu chegou aos arredores de certa aldeia e aí se sentou para dormir debaixo de uma árvore.
Chega correndo, então, um habitante daquela aldeia e diz, quase sem fôlego: 
- Aquela pedra! Eu quero aquela pedra.

- Mas que pedra? pergunta-lhe o hindu.
- Ontem à noite, eu vi meu Senhor Shiva e, num sonho, ele me disse que eu viesse aos arredores da cidade, ao pôr-do-sol - aí devia estar o hindu que me daria uma pedra muito grande e preciosa e que me faria rico para sempre.
Então, o hindu mexeu na sua trouxa, tirou a pedra e foi dizendo:
- Provavelmente é desta que ele lhe falou; encontrei-a numa trilha da floresta, alguns dias atrás; podes levá-la!

E, assim falando, ofereceu-lhe a pedra.
O homem olhou maravilhado para a pedra. Era um diamante e, talvez, o maior jamais visto no mundo. Pegou, pois, o diamante e foi-se embora. Mas, quando veio à noite, ele se virava de um lado para outro em sua cama, sem conseguir dormir. Então, rompendo o dia, foi ver novamente o hindu e o despertou, dizendo:
- Eu quero que me dê essa riqueza que lhe tornou possível desfazer-se de um diamante tão grande assim tão facilmente!

.