TRADUTOR / TRANSLATER

TRADUTOR / TRANSLATER / TRADUCTEUR / TRADUCTOR / TRADUTTORE
English French German Spain Italian Dutch Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified

Quem sou eu

Minha foto

Bem vinda(o) à página de Ton MarMel, Artista Visual, que desde criança manifestou dotes para pintura, desenho, escultura, frequentou a Faculdade de Arquitetura e Urbanismo, recebeu inúmeros prêmios, participou de dezenas de salões de artes, exposições INDIVIDUAIS no Brasil e exterior, é Advogado, doutor em Direito Público há mais de 15 anos, que tem a missão de oferecer obras de artes, serviços artísticos experientes e conhecimentos de excelência com criatividade, segurança e eficiência, inclusive para ASESSESSORIA ARTÍSTICA, CONSULTORIA ON LINE.  (º--º)  Meu trabalho é conhecido e reconhecido por várias pessoas físicas e jurídicas pois presto serviços e ATENDIMENTOS INDIVIDUAIS E EM GRUPOS, inclusive como PALESTRANTE sobre arte social, direito, projetos sociais de relevância, desenvolvimento pessoal, motivação, empoderamento, liberdade emocional.



TOTAL DE VISITANTES

TOTAL DE VISITANTES

SEGUIDORES DE MARMEL

PESQUISAR NESTE SITE?

RECEBER NOTÍCIAS DE PUBLICAÇÕES? DIGITE E-MAIL

segunda-feira, agosto 23, 2010

AMOR DIET, LIGHT OU INTEGRAL, QUAL SUA OPÇ;ÃO ?!


AMOR DIET, LIGHT OU INTEGRAL, QUAL SUA OPÇ;ÃO ?!

Afirmam estudiosos, artistas plásticos, advogados, arquitetos e  "pensadores" de plantão que quem egoísticamente se apaixona por si mesmo não vai ter rivais jamais, e exemplo disso aliteratura traz de imdiato a lembrança da estorinha infantil da malvada madrastra que conversava consigo mesma mirando-se no espelho mágico questionando  "quem é a mais bela de todas?", e assolada de tamanha inveja e colérica pela resposta que obtinha, perseguia mortalmente a vida, beleza e apureza de Branca de Neve, mesmo antes de aparecerem na estorinha seus bravos e leais amigos, os sete anões. (Não sei até hoje porque os amiguinhos eram anões, nem tão pouco sei porque eram em sete e nem imagino porque tinham nomes engraçados, por isso não me perguntem; sei apenas que existem várias versões e estudos do perfil psicológico de todos os personagens dessa estorinha contada pelos irmãos Grimm ).

Em termos de almentos para o corpo afirmam nutricioistas que o diet e light não são sinônimos. Tecnicamente, existe uma diferença sutil, porém simples de compreender, que pode passar despercebida. Um alimento DIET é aquele isento de determinado nutriente, como o glúten, o açúcar, o sódio, o colesterol ou agordura. São produtos que foram desenvolvidos, em sua essência, para atender a grupos específicos, como as pessoas que vivem com diabetes ou os celíacos (alérgicos a glúten). Por isso, é preciso verificar que substância foi retiradaou substituída na fórmula, pois muita gente interpreta o termo inglês diet, que pode ser entendido como "dietético", como light. No entanto, a tradução da palavra é mais ao pé da letra e quer dizer apenas "dieta" mesmo – seja ela para emagrecer, para evitar reações alérgicas (no caso dos celíacos) ou para ajudar no tratamento de doenças metabólicas (como o diabetes).

Já os produtos com a distinção LIGHT, que em inglês significa "leve", não precisam, necessariamente, ter isenção total de certo ingrediente. Basta uma redução de, no mínimo, 25%, indicada na embalagem, e, ao contrário dos alimentos diet, os produtos light não foram desenvolvidos para atender às necessidades nutricionais de determinado grupo. Eles surgiram para suprir a demanda de uma fatia crescente da população, que se preocupa com o bem-estar e a manutenção da saúde. Daí, o conceito de light ficou atrelado à qualidade de vida e o de diet, à "doença".

Mas existem os chamados alimentos zero que tanto podem ser diet, quanto light – a diferença está no conceito e não nos ingredientes usados na fabricação. Produtos zero são aqueles destinados aos consumidores que não se identificam nem com o diet, nem com o light, como os adolescentes e os adultos do sexo masculino. Não há nenhuma diferença na fórmula; o que muda é o público.

Por outro lado, existe outro grupo de alimento conhecido por INTEGRAL cujos alimentos são aqueles que mantêm, ao serem consumidos, todos os seus ingredientes nutricionais básicos. Por isso um pão com farinha integral vai ser mais nutritivo que um pão branco. Os pães, cucas, biscoitos produzidos com farinha integral trazem benefícios para a saúde, pois são ricos em fibras, daí sustentam especialistas que uma alimentação equilibrada e saudável é rica em em produtos naturais e alimentos orgânicos, cultivados ou produzidos sem o uso deprodutos químicos artificiais.

Consultando o dicionário diz-se CONCESSÃO a ação de conceder; permissão, consentimento; ato de ceder de seu direito, do seu ponto de vista, em favor de outrem; condescendência; para viverem bem fazem mútuas concessões. E consultando novamente o dicionário tem-se que SACRFÍCIO é o ato ou efeito desacrificar, que sacifícar  é ofercer em holocauto por meio de cerimônia próprias; imola como vítima; tornar vítima de um interesse, duma paixão, dum fim que se tem em vista; renunciar voluntariamente  a alguma coisa ou alguém; abrir mão de; desprezar (uma coisa)  para dar mais realce ou importância (a outra) a exemplo de conteúdo à forma; voltar-se inteiramente a alguém ou alguma coisa; sujeitar-se; submeter-se.

Dito isso, é certo que questionavelmente sustentam por aí que "amar tem que ser uma prática alegre, construtiva, produtiva; sem neuras, sem engessamento, que concessões fazem parte dos relacionamentos, mas sacrifícios ninguém está obrigado a se submeter e que não é justo alguém se submeter a sacrifícios".

Ora, em que pese a frase dita, tecendo comparações e associações e levando-se em conta que sacarifício exige dolorida abnegação por quanto asssociado aquestões de doença, o que aproxima o conceito de sacrifício ao conceito de alimento diet, ao passo que o conceito de concessões por ser mais ameno aproxima-se mais do conceito de alimento light, e que o conceito de alimento integral se aproxima por concatenação ao conceito de amor natural e integral, sem alteração, sem modficação, sem aditivos, agrotóxicos ou coisas artificiais, portanto mais saudável e mais fácil de ser vivenciado e digerível, e PARTINDO-SE DA PREMISSADE QUE O PRINCIPAL ALIMENTO DE CONTEÚDO E CONTEXTO DO SER HUMANO É O AMOR, surgem as peguntas:

VOCÊ É DO TIPO QUE PREFERE VIVER UMA RELAÇÃO AMOROSA DIET, LIGHT, OU INTEGRAL?! QUAL SUA OPÇÃO?!

Grandioso abraço,

MARMEL
anTONio MARtins MELo.

----------------------------------------------------------
Bibliografia

Informações nutricionais Rita Cherutti http://www.blogger.com/profile/06785239767711603108
.