TRADUTOR / TRANSLATER

TRADUTOR / TRANSLATER / TRADUCTEUR / TRADUCTOR / TRADUTTORE
English French German Spain Italian Dutch Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified

Quem sou eu

Minha foto

Bem vinda(o) à página de Ton MarMel, Artista Visual, que desde criança manifestou dotes para pintura, desenho, escultura, frequentou a Faculdade de Arquitetura e Urbanismo, recebeu inúmeros prêmios, participou de dezenas de salões de artes, exposições INDIVIDUAIS no Brasil e exterior, é Advogado, doutor em Direito Público há mais de 15 anos, que tem a missão de oferecer obras de artes, serviços artísticos experientes e conhecimentos de excelência com criatividade, segurança e eficiência, inclusive para ASESSESSORIA ARTÍSTICA, CONSULTORIA ON LINE.  (º--º)  Meu trabalho é conhecido e reconhecido por várias pessoas físicas e jurídicas pois presto serviços e ATENDIMENTOS INDIVIDUAIS E EM GRUPOS, inclusive como PALESTRANTE sobre arte social, direito, projetos sociais de relevância, desenvolvimento pessoal, motivação, empoderamento, liberdade emocional.



TOTAL DE VISITANTES

TOTAL DE VISITANTES

SEGUIDORES DE MARMEL

PESQUISAR NESTE SITE?

RECEBER NOTÍCIAS DE PUBLICAÇÕES? DIGITE E-MAIL

sábado, junho 23, 2012

ESCOLHAS E CONSEQUENCIAS

Resolvi contar essa estorinha que não é nova, mas seu conteúdo é sempre bom lembrar.





Conta-se que duas rãs brincavam numa fazenda, saltavam de um lado para outro, e, de repente, caíram ambas num balde cheio de leite até a metade, cujas bordas estavam lisas e engorduradas pelo leite; e mergulhadas no leite não havia como impulsionarem o corpo e saltarem para fora do balde e a morte de ambas era quase certa.

Então, percebendo que a amiga estava se afogando uma das rãs disse a outra: - Não esmoreça! Continue batendo as patas, mantenha-se flutuando. 

ENTÃO, ao ouvir o que a amiga falava, a outra respondeu: - De nada adiantará! Estou cansada. De nada vai adiantar eu continuar me debatendo, tentando me manter sobre a superfície se não existe nenhuma maneira de sair daqui.

ENQUANTO ISSO, a outra voltava a insistir: - Não desista! Mantenha-se calma e continue lutando pois enquanto há vida, há esperanças!

E A OUTRA continuava: - Não vale a pena; estou cansada disso e não vejo como podemos sair daqui. 

E DITO ISSO, esta rãzinha parou de se debater, afundou, e morreu afogada.

ENQUANTO isso, a outra continuou se debatendo, tentando se manter viva a qualquer custo. E DECIDIDA A GANHAR PELO MENOS MAIS ALGUNS MINUTOS DE VIDA, a rãzinha se debateu a noite toda; e de tanto se debater e acreditar que poderia sobreviver que o leite acabou virando manteiga. E UMA VEZ QUE o leite virou manteiga, apoiada sobre a sólida manteiga, a rãzinha descansou um pouco, tomou impulso e pulou para fora do balde, salvando sua vida.

MORAL DA ESTORINHA: ENGOLIR SAPOS FAZ PARTE DA VIDA. BEIJAR SAPOS ACREDITANDO QUE PODEM SE TRANSFORMAR EM PRINCESAS OU PRÍNCIPES TAMBÉM FAZ PARTE DA VIDA E TUDO É UMA QUESTÃO DE ESCOLHA, DE PERSEVERANÇA. OS PROBLEMAS NÃO SÃO TÃO NOVOS E CADA PESSOA TEM UMA MANEIRA DIFERENTE OU NÃO DE ENFRENTÁ-LOS, E É ESSA MANEIRA DE ENFRENTAR AS SITUAÇÕES QUE VAI DETERMINAR O FRACASSO OU O SUCESSO DESDE QUE SE FEZ A OPÇÃO - MESMO SEM PENSAR - PELA VIDA NO ÚTERO MATERNO; DESDE QUE SE FEZ A OPÇÃO POR SE FICAR DE PÉ, POR APRENDER A ANDAR, FALAR.


(Ton MarMel)